Doenças do Tecido Conectivo

Muitas das principais doenças reumatológicas são de natureza auto-imune. As doenças do tecido conjuntivo representam modelos clássicos de doenças auto-imunes sistémicas.

Em 1942, Paul Klemperer descreveu as semelhanças entre o lúpus eritematoso sistémico (LES) e a esclerodermia e postulou que estas doenças, que designou por doenças de alteração difusa do colagénio, partilham a mesma etiologia. Em 1952, foram qualificadas como doenças do tecido conjuntivo. Posteriormente, a síndrome de Sjögren e a polimiosite/dermatomiosite foram acrescentadas ao grupo das doenças do tecido conjuntivo.